ANAL A TRÊS

Sou casado com uma mulher linda e safada. Fazemos sexo diariamente, oral, vaginal e anal. Ela é viciada em dar o cu. Nossas relações são quase sempre com sexo anal. Eu, como todo homem, gosto e dou sempre o que ela pede: rola e mais rola

Chegamos a transar até duas horas sem parar, só fodendo o cu dela. Mariana sempre me pede para meter tudo, e olha que eu tenho um caralho de 24 cm por 7 cm. Mas aquele cu quente e apertado, engole centímetro por centímetro do meu pau duro.

Na hora do gozo minha esposa sempre me pede para tirar o pau do seu cu e pede para chupá-lo. A vadia sempre quer enfia-lo todo na boca, para depois eu poder gozar no fundo da sua garganta. É claro que eu atendo seu pedido. Tenho uma mulher nota dez, sou muito feliz só que insaciável.

Sempre quero mais e mais foder um cu, seja de homem ou de mulher mas só cu. Assim no ano de 2012 usei meu e-mail e então comecei a publicar anúncios, pedindo homens e mulheres que queriam ter os seus cuzinhos fodidos por um macho de verdade. A caixa ficou congestionada, tantas foram os e-mails que recebi.

Nesse montante, 80% era de homens, 15% de mulheres e 5% de casais. Entre elas escolhi conhecer Christopher e Magdalena nome (fictícios). Eles eram um casal maravilhoso. Foi lindo ter esses dois aos meus pés e cacete. No nosso encontro, ambos me chuparam muito.

O marido e sua esposa juntos eram dois devoradores de rola, juntos chuparam muito meu cacete o deixando no ponto de bala. Já com cacete bem duro comecei a foder o cu de esposinha. Que delícia comer um cu virgem. A safada deixou que eu fosse o primeiro macho a invadir sua bunda gostosa. Arrombei-o com muito carinho. Ela rebolava e pedia para eu socar no fundo, com força. Ao mesmo tempo falava para o marido olhar como se comia um cu, isso depois de chamá-lo de corno.

Logo em seguida foi a vez do esposo. Agarrei-o pelas pernas e coloquei-o na posição de frango assado. Dei uma lambuzada de gel dentro do cu dele e devagarinho, comecei a bombar. Levantei ao máximo as pernas dele para meu cacete penetrar bem no fundo daquele cu. Foi um tesão, o rabo dele, além de ser bem quentinho, era bem arrombado. O cara era bom mesmo de cama dando cu. Ele engolia todo meu pau e ainda o apertava, dando-me um prazer louco.

Eu socava muito naquele cu delicioso. Ficamos nessa posição por um tempo. Depois, sem tirar o pau ele virou de quatro. Nossa, o homem era mesmo craque em dar o cu! A mulher só olhava estarrecida ao ver tamanha habilidade do marido dando cuzão. Num gesto rápido, ele me deitou de costa na cama e sentou no meu cacete, então passou a cavalgar. Que loucura! Não resisti e gozei como um louco dentro daquele cu gostoso. Caí de lado satisfeito e saciado.

Após um breve descanso e um bate-papo, fiquei sabendo que o marido dormia todas as noites com um vibrador enfiado no rabo, por isso tinha tanta agilidade. A esposa amou vê-lo levar rola de verdade no cu e saciou o desejo de dar seu cu. Aquele dia foi perfeito!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s