ETERNA BUSCA

Praia, Horizonte, Natureza, Oceano

Quando o sol se esconde, indiferente

a tudo que o acompanhou, no dia,

cedendo à lua o seu lugar, no infinito,

sigo o caminho que me leva à ti.

Quando os meus olhos se fecham, lentamente,

em pontos mortos, sem beleza alguma,

me fazendo dormir, irresistivelmente,

sigo o caminho que me leva à ti.

Quando a natureza se acalma, e pássaros

hospeda em seus ninhos verdejantes,

e as cigarras, cantando, anunciam chuva,

sigo a caminho que me leva à ti.

E, quando em todo o mundo os ruídos cessam

e as máquinas, como em descanso, param

despovoando as ruas, meus passos, em caminhar seguro

percorrem os meus sonhos, me levando à ti.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s